Escrever um blog: Porque não?!

Está decidido: em 2016 vou escrever um blog!

Muitas vezes, desde que me formei, pensei em escrever um blog. Esse domínio, brunogrossi.com.br, foi criado em 2006 para isso. E por aqui já passaram algumas páginas e outras tentativas de ocupá-lo, torná-lo algo útil, pelo menos para mim.

Agora a coisa é séria: a vida tem que mudar em 2016, e para melhor. Começando por desengavetar alguns projetos e sonhos antigos. Esse blog é só o primeiro deles! Venho me preparando a uns meses para essas mudanças. Mudar é uma jornada, e como toda jornada, é necessário um passo de cada vez.

Escrever um blog é uma tarefa árdua. Escrever sobre o quê? Para quem? Porque? Tantas perguntas com poucas respostas… Mas a pergunta mais importante a fazer agora é:

Porque não?!

Então ai está o meu blog oficialmente lançado!

Pretendo falar sobre minhas paixões – que incluem cinema, fotografia, livros, família, viagem e tecnologia -, praticar a escrita criativa, e dar minha opinião sobre assuntos que me venham à cabeça (afinal, esse é o meu espaço). Escrever nunca foi uma das minhas melhores habilidades, por isso será um desafio fazê-lo. Mas escrever é algo que só se aprende escrevendo, certo?

Se você quer ser escritor, existem duas coisas a fazer, acima de todas as outras: ler muito e escrever muito. Stephen King

Cinema e fotografia são minhas mais novas paixões. Apesar de ver filmes e tirar fotos ser algo que faço desde que me entendo por gente (algo que quase todo mundo faz, na verdade), irei me aprofundar nos próximos anos nessas duas áreas. Recentemente fiz um curso de fotografia em Ouro Preto, com Eduardo Trópia, que me fez ver os detalhes com outro “Olhar”. Outros cursos virão, em breve.

Livros estão sempre presentes na minha família. Meu avô Hilário era um grande contador de estórias, e apesar não ter conhecido pessoalmente, cresci ouvindo suas estórias contadas pelo meu pai. Durante minha vida escolar, livros se tornaram uma obrigação, o que me fez perder a oportunidade de apreciar grandes obras. Quando meu filho nasceu, pude resgatar o gosto pela leitura, lendo para ele à noite, e para mim sempre que possível. Li muitos livros de lá para cá

Além dos livros, viagem é outra paixão compartilhada por todos aqui em casa. Já viajamos muito, e ainda há muitos lugares pra conhecer. Estamos sempre planejando a próxima viagem, para quando der. Malas? Sempre prontas! É o tipo de atividade que gostamos de fazer em família… Não gostamos muito de excursões em grupo, por vários motivos, mas principalmente porque gostamos de traçar nosso próprio rumo, adaptando ao que vemos no dia e local em que estamos. Compramos a passagem depois de pesquiser o melhor preço, usamos sites de busca de hotéis atrás de promoções (com opção de cancelamento), e pesquisamos tudo sobre o destino. Aprender o básico da língua é fundamental também.

Sempre fui apaixonado por tecnologia, muito influenciado por meus pais. Aprendi a programar aos 8 anos de idade, na linguagem BASIC e ajudei a montar uma BBS aos 13. De lá para cá, muita coisa mudou, e venho acompanhando com admiração toda essa evolução. Não atoa, fiz graduação e mestrado em Ciência da Computação. Foi um caminho natural o que segui até aqui.

Opinião é uma das minhas maiores preocupações ao escrever. Sei que é impossível agradar a todos, e sempre vai ter quem não concorde. Muitas vezes é difícil aceitar uma opinião diferente da nossa, e será um exercício de paciência, respeito mútuo e argumentação.

Se você escreve (pinta, dança, esculpe ou canta, imagino eu), alguém vai tentar fazer com que você se sinta mal com isso, pode ter certeza

Stephen King diz também que escrita é sinônimo de telepatia, uma conversa à distância, no espaço e no tempo, entre o escritor e o leitor. Não me deixe então falando sozinho, dê então a sua contribuição nessa conversa…

More about Bruno E. Grossi